Brega Pop - Música Paraense
Escolha uma Categoria:

Release Banda Amazonas

Banda Amazonas

CONTATOS PARA SHOWS:

Chicola (Produtor):
Fones:
(91) 3230-4856
(91) 8828-4061
(91) 9611-4894 

 

HISTÓRICO
A Banda Amazonas surgiu a partir do Grupo Amazonas em 1979 na cidade de Manaus, na época, os esforços dos músicos foram a peça principal no início da promissora caminhada da futura banda.
Em 1986 o grupo que virou banda chegou a Belém e iniciou o seu trajeto de shows, adotando sempre um repertório atualizado, abrangendo todos os gêneros musicais.

CURIOSIDADE
Na época do surgimento, os músicos tinham a tarefa de decidir qual seria o nome do grupo... a resposta foi inevitável: eles moravam no estado do Amazonas, na rua Amazonas, eram apoiados pelo Sr. Erasmo Amazonas - locutor da TV Amazonas... a resposta foi unanime: " Só pode ser Grupo Amazonas!!".

BANDA AMAZÔNAS 2003
A banda de 24 anos de idade sofreu uma transição de músicos nos últimos dois anos, e com o elenco renovado passou a conquistar um espaço maior nas noites paraenses. O reconhecimento veio em 2003, que hoje é considerado um marco na história da banda, neste ano a Banda Amazonas iniciou o seu próprio trabalho, lançando no mercado várias musicas de sua autoria, que atualmente estão ocupando os primeiros lugares nas rádios e aparelhagens da cidade de Belém do Pará. O lançamento do seu primeiro CD está previsto para o inicio do mês de março de 2005.

OS MÚSICOS
Todos os músicos possuem formação musical adquirida através de escolas e cursos de música, sendo notável e significativa a contribuição da experiência de músicos populares nas noites da cidade. São eles: Eryck Jordan (teclado), Fábio barelly (bateria), Marcelinho bahiano (baixo), Jhon kleber & Flavio (o cavalinho (guitarras), Michael leuri e jajá (percussão) e Michelly Mendes, Rômulo Silva (vocalistas).

EQUIPAMENTOS
A Banda Amazonas possui equipamentos próprios, podendo ser contratada somente para cobertura de eventos, dispondo de:
- P.A. completa com 16 alto-falantes eros de 18 e 16 alto-falantes wpu de 18;
- 18 alto-falantes de médio mais saides, 40 st mais 8 draives e 8 tis;
- Mesa de 24 canais e periféricos;
- 36 canhões de iluminação spot
- Máquina de fumaça;
- 25 microfones e 1 sem fio akg uhf;
- Som mecânico

NÚMERO DE COMPONENTES ENVOLVIDOS NOS SHOWS
Os shows da Banda Amazonas envolvem um total de 15 pessoas (com ou sem som) entre músicos, bailarinos e produção.
OBS: Para mega-eventos, onde o contratante deseje uma maior quantidade de some iluminação, é acionado e adicionado o apoio de mais 6 pessoas ( responsáveis pelo equipamento de som e iluminação) totalizando portanto 21 pessoas.

REPERTÓRIO
A Banda Amazonas adota em seu repertório todos os gêneros musicais, conforme as exigências do contratante e do público.

TEMPO DE SHOW
O tempo de show deve ser estabelecido antecipadamente no momento do contrato, atendendo o desejo do contratante.
OBS: Banda Amazonas show/baile.

CACHÊ E FORMA DE PAGAMENTO
O cachê e a forma de pagamento devem ser combinados no momento do contrato. Nos casos de parceria com a portaria, pede-se ao contratante que estabeleça o percentual com antecedência, bem como as condições adversas.

CONTATOS PARA SHOWS
Os contatos para shows devem ser feitos com os senhor Francisco Corrêa (Chicola) através dos telefones (91) 3230-4856 / 8828 4061 / 9611-4890.
Atual endereço da Banda Amazonas: Av. Bernardo Saião nº337, entre Cesário Alvim e Oswaldo de Caldas Brito. (em frente ao segundo portão da CATA) bairro - Cidade Velha.
E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.">O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Site: www.bandaamazonas.com

VEJA A OPINIÃO DE ALGUNS CONTRATANTES:
Júnior, proprietário da Casa de Show "A Pororoca" (tel.81165853):
"A Banda amazonas é uma das bandas mais dançantes da cidade, tem um repertório muito atualizado e um carisma que agrada o público de cara..."

Marco Antônio Melo, produtor de eventos (Macapá) (tel. 096 99722941):
"Incrível variedade de ritmos e facilidade de execução... o show da banda surpreende o público!

Senhor mensão club Nova dimensão Paragominas:
"Eu achei incrível o número de musicas próprias em sucesso, e ainda encontram tempo para tocar o que tambem é sucesso."


AS AMAZÔNAS
Desde antes de Cristo que fala-se na existência de mulheres guerreiras, que viviam sós, isoladas de homens, com os quais se encontrariam eventualmente para fins de acasalamento e assim mesmo ficando para criar as crianças do sexo feminino . Eram as AMAZONAS, do grego a (não. Sem) e mazós ( seios) , ou seja, as mulheres sem seios, pois que tais mulheres, quando ainda jovens, deviam queimar ou atrofiar o seios direito, afim de facilitar o manejo do arco. Nascida tal história com a mitologia grega, espalhou-se durante a idade média , chegando aos tempos modernos , tendo o tema inspirado muitos escritores e artistas. Tais AMAZONAS reinariam na região da capadócia , situada na Ásia menor.
Em 1541, após descer o afluente napo e chegar ao então mar dulce, nome que Pinzor dera ao RIO AMAZONAS, eis que Francisco de Orelhana é atacado por uma tribo de mulheres que, no testemunho de Frei Gaspar de carvajal ."São muito alvas e altas, com cabelo muito comprido, entrançado e enrrolado na cabeça, São muito membrudas e andão nuas em pelo,Tapadas suas vergonhas, com seus arcos e flechas nas mãos, fazendo tanta guerra como dez indios" . Em relatos Carvajal narra a seguir que embora abatessem vários indios que eram comandados pelas mulheres e mesmo algumas destas, os espanhois se viram obrigados a fugir,tendo porém capturado um indio . este, mais tarde , ao ser interrogado , declarou pertencer a uma tribo cujo chefe, senhor de toada área ( o ataque tinha se dado na foz do rio nhamundá )era súditos , obedeciam e pagavam tributos as mulheres guerreiras que eram acompanhadas pela chefe Conhori , o prisioneiro respondendo várias perguntas do comandante ,disse que as mulheres não eram casadas e que sabia existir setenta aldeias delas descreveu as casas das mulheres como sendo de pedra e com portas , sendo todas as aldeias bastante vigiádas . disse ainda que elas paríam mesmo sem ser casadas porque, quando tinham desejo , levavam homens de tribos vizinhas à força , ficando com eles até emprenharem , quando então os mandavam embora , quando tinham a criança , se homem era, morto ou então mandavam para que o pai o criasse se era mulher , com ela ficavam e a menina era educada coforme suas tradições querreiras . descreveu ainda seus hábitos e suas riquezas ,pois tais mulheres possuiam muito ouro e muita prata. O encontro e as escaramuças à foz do rio Nhamundá .(Hoje limite entre os estados do Pará e do Amazonas )com os indios e/ou índias mais a descrição do prisioneiro foi o bastante para que houvesse associação com as AMAZONAS da capadócia , e o rio, até então Mar Dulce, passa a ser chamado rio de las Amazonas (Rio das Amazonas) e finalmente Rio Amazonas .A narração feita por Frei Gaspar de Carvajal ! teve imenssa repercução na europa e correu o mundo todo, atemorizando uns , surpreendendo outro , mas maravilhando a todos os que ouvem falar da mulheres guerreiras...!

{A GRACIOSIDADE DAS MULHERES AMAZÔNICAS E SEUS MODOS GENTÍS, NÃO SUGEREM, NOS DIAS DE HOJE , O ESPÍRITO BELICOSO DAS LENDÁRIAS GUERREIRAS}


 Imprimir  E-mail